Notícias - Geral

Conselho da Mulher de Venâncio Aires visita Departamento de Políticas para as Mulheres

Publicado em 18/05/2019 às 14h38

Luciana Custódio recebeu representantes de Venâncio AiresNa tarde desta sexta-feira, 17, integrantes do Conselho Municipal da Mulher de Venâncio Aires fizeram uma visita ao Departamento de Políticas para as Mulheres vinculado à Secretaria Estadual de Justiça, Cidadania e Direitos Humanos, em Porto Alegre.

A presidente do conselho Jalila Bohm Heinemann, a Capitão da Brigada Militar de Venâncio Aires Michele da Silva Vargas, e a secretária do conselho, Lidiane Fausto, apresentaram o Conselho Municipal à diretora do Departamento, Luciana Custódio.

Durante o encontro, que teve como objetivo oficializar Venâncio no mapa de cidades gaúchas com conselhos para mulheres e também buscar parcerias para futuras atividades e campanhas, se discutiu a importância de políticas de prevenção e também de proteção à mulher.

Campanha
A partir disso, a intenção do Conselho Municipal da Mulher é organizar uma campanha de conscientização contra a violência à mulher, na Capital do Chimarrão.

A presidente Jalila destaca que existem muitas formas de violência, como a física, psicológica, patrimonial e sexual e a proposta é abordar e prevenir todas elas. "Este trabalho precisa ser bem organizado e ter continuidade", frisa Jalila.

 

Fonte: Jornal Folha do Mate
Créditos: Letícia Wacholz 
Foto: Divulgação / Conselho da Mulher

Compartilhar

Prefeitura faz intervenção no Casva para manter atividades

Publicado em 18/05/2019 às 14h36

A Prefeitura de Venâncio Aires passa a ser a mantenedora do Centro de Assistência Social de Venâncio Aires (Casva). Até então, o espaço era mantido pelo Rotary Club Venâncio Aires. Nesta quinta-feira, uma reunião entre representantes do Município, da entidade e do clube de serviços definiu o futuro da entidade. Com isso, um decreto de intervenção foi assinado pelo prefeito Giovane Wickert (PSB), onde um interventor foi nomeado para gerenciar a instituição, que além de recursos privados, também recebe recursos público. O prazo do decreto é de 180 dias.

O orçamento destinado neste ano à manutenção da entidade é de R$ 579,7 mil por meio do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb). O recurso é utilizado para pagamentos de salários e encargos. Gastos com alimentação, nutricionista, manutenção, material de higiene são pagos com recursos arrecadados com as contribuições dos pais.

Segundo o prefeito Giovane Wickert (PSB) o processo de transição será realizado nos próximos dias e a intervenção foi feita de forma amigável. O Município nomeou como interventor o assessor administrativo da Secretaria Municipal da Fazenda, Egon Raul Sniedze. “Foi feito este procedimento para garantir o andamento das atividades, sem prejudicar os trabalhos e atendimentos. É um momento importante, porque o Casva é a nossa primeira creche e precisava de suporte.”

A unidade escolar possui capacidade para atendimento de 120 crianças. No momento são atendidos 85 alunos. A situação do Casva, em um primeiro momento envolvendo a falta de recursos, iniciou em 2017. No entanto, no mesmo ano o Governo Municipal garantiu aumento nos repasses do Fundeb. Ainda neste ano, o Rotary Venâncio Aires, mantenedor da unidade escolar, manifestou que não iria mais fazer a gestão do espaço. Com isso a Administração Municipal discutiu com representantes da Associação de Pais e Mestes do Casva e com o Ministério Público medidas para garantir a continuidade dos atendimentos.

 

Fonte: Jornal Olá

Compartilhar

Administração Municipal apresenta possibilidade para garantir permanência de técnicos de Enfermagem em Postos de Saúde

Publicado em 18/05/2019 às 14h34

Administração Municipal apresenta possibilidade para garantir permanência de técnicos de Enfermagem em Postos de SaúdeMais de 500 pessoas compareceram ao Ginásio da Suib na noite desta quinta-feira, 16, em Centro Linha Brasil. Em reunião, entre as comunidades do 5º distrito e o Executivo de Venâncio Aires, foi discutida a permanência de técnicos de Enfermagem em Postos de Saúde do Interior. A questão envolve uma ação movida contra o município pelo Conselho Regional de Enfermagem (Coren), para que seja cumprida Lei, que não permite um técnico de enfermagem trabalhar sem a supervisão de um enfermeiro. Em postos do interior, havia situações em que apenas um técnico atuava. Naquela localidade, a mobilização é para manter o trabalho de Clênio Strassburger. Além de Centro Linha Brasil, são os casos de Vila Estância Nova, Linha Tangerinas, Vila Deodoro, Vila Teresinha, Vila Palanque, Vila Santa Emília e Linha Travessa.

A solução imediata encontrada pela prefeitura, levando em consideração a contenção de gastos, foi contratar oito enfermeiros, e diminuir a carga horária para seis horas. Assim, os técnicos de enfermagem vão ficar quatro horas com eles e as outras quatro em alguma unidade de saúde da cidade onde existe demanda. O secretário da Saúde de Venâncio Aires, Ramon Schwengber, explicou a necessidade de cumprimento da Legislação Federal para não incorrer em multas. Além dele, estiveram presentes o prefeito Giovane Wickert; o coordenador da Unidades de Saúde, Lucas Rios; o secretário da Habitação e Desenvolvimento Social, Arnildo Câmara; e vereadores.

Ao prefeito, a comunidade entregou um abaixo assinado, com mais de 2 mil assinaturas, coletadas em menos de uma semana. A comunidade pelou para que Clenio Strassburger continue atuando no posto de Centro Linha Brasil. Em entrevista à reportagem, o técnico de Enfermagem agradeceu o reconhecimento do trabalho prestado e disse estar comovido com tanta mobilização e carinho.

Assim como em Centro Linha Brasil, nos demais postos de Saúde do Interior, que ainda não possuíam enfermeiros, a Prefeitura vai manter os atuais técnicos de enfermagem, com supervisão de enfermeiro, mas apenas durante seis horas por dia. No 5º distrito, como o posto atende mais de 3 mil pessoas, também foi cogitada a possibilidade de transformar a Unidade Básica de Saúde (UBS) em Estratégia de Saúde da Família (ESF). A partir disso, seria possível manter mais profissionais na mesma Unidade. Mas, isso ainda será avaliado e não deve ser uma tarefa fácil. Uma comissão de Saúde, formada por moradores das localidades, vai se reunir nos próximos dias com o secretário da Saúde.

Médicos nos postos
Além de anunciar a medida encontrada para garantir a permanência dos técnicos de Enfermagem no interior, a Administração Municipal também comunicou que três postos vão receber médicos nos próximos dias. As localidades contempladas são Centro Linha Brasil, Vila Deodoro e Vila Teresinha.

 

Fonte: Portal RVA
Créditos e Foto: Veridiana Röhsler / RVA

Compartilhar

Sicredi Vale do Rio Pardo realiza ações de educação financeira na próxima semana

Publicado em 18/05/2019 às 14h32

A educação financeira é sempre um assunto abordado nas comunidades de atuação da Sicredi Vale do Rio Pardo. Na próxima semana, a temática será intensificada nas 15 agências pertencentes à Cooperativa, através de ações que fazem parte da 6ª Semana Nacional de Educação Financeira – Semana ENEF, que acontece de 20 a 26 de maio, em todo o Brasil em uma iniciativa do Comitê Nacional de Educação Financeira (Conef). Entre as atividades das agências estão palestras de sensibilização e workshops para diversos públicos, bem como a distribuição de gibis educativos.

Conforme o coordenador de Programas Sociais da Sicredi Vale do Rio Pardo, Marco Antonio da Rocha, a Cooperativa vai utilizar o tema sistêmico para realizar as atividades de educação financeira no ambiente físico e virtual. Neste ano, o Sicredi vai intensificar suas ações em todo o Brasil através do conceito #Fiquenoverde – Faz diferença deixar sua vida financeira mais saudável, com ações para colaboradores, associados e para quem ainda não faz parte da instituição.

O coordenador ainda explica que as atividades da Sicredi Vale do Rio Pardo têm como objetivo engajar nas ações da Semana Nacional de Educação Financeira, que realiza ações educacionais gratuitas para estimular o debate sobre o tema na sociedade. “Nós queremos reforçar o posicionamento da Cooperativa junto à comunidade”, ressalta Rocha. Durante o ano todo, o assunto é debatido dentro da instituição, bem como levado ao grande público através de palestras, capacitações e no atendimento diário com os associados. 

Rocha comenta que outra proposta é formar os colaborares para que estejam habilitados a levar o tema Educação Financeira para além do cotidiano da agência, para assim, se tornarem facilitadores de palestras, rodas de conversa, oficinas e consultorias específicas sobre o assunto. A Cooperativa ainda quer estender a temática ao público empreendedor, dialogando sobre esta necessidade de gestão financeira da empresa e da família. “Até o momento, a Cooperativa tem uma demanda formalizada que deve impactar em torno de mil pessoas, ainda em 2019, com o programa de Educação Cooperativa”, frisa ele.

Gibis – Como uma das novidades deste ano está a parceria entre o Sicredi e a Maurício de Sousa Produções (MSP), com a volta dos personagens da Turma da Mônica para os gibis com a temática da educação financeira de forma leve e divertida. As revistinhas em quadrinhos serão distribuídas gratuitamente em diversas agências do Sicredi. “As nossas agências terão o volume nº 1 de três que serão editados para distribuição e, além disso, foram produzidos três vídeos animados com os personagens”, destaca Rocha. Os vídeos podem ser conferidos nas redes sociais da instituição.

Virtual – O Sicredi vai disponibilizar, a partir do dia 20 de maio, uma página permanente (www.sicredi.com.br/educacaofinanceira) com dicas para uma vida financeira mais saudável. No ambiente virtual haverá conteúdos voltados aos jovens, como histórias interativas que contam a origem do dinheiro, materiais para oficinas com grupos de crianças, livros, e-books e vídeos, além de um teste para descobrir seu perfil financeiro e compartilhar o resultado nas redes sociais.

 

Fonte: AI SICREDI
Créditos: Four Comunicação

Compartilhar

Denúncias contra a empresa Sulmix ultrapassam os R$ 150 mil

Publicado em 18/05/2019 às 14h24

Nesta sexta-feira à tarde, o delegado Vinícius Lourenço de Assunção, acompanhado por agentes da Polícia Civil, cumpriram um mandado de busca e apreensão no endereço onde funcionou a empresa Sulmix Viagens e Turismo, na rua Júlio de Castilhos, no centro de Venâncio Aires.

De acordo com o delegado, não havia mais nada no local. O último endereço da Sulmix, que está sendo alvo de denúncias de estelionato, foi a cidade de Campo Bom.

Conforme os registros feitos na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) de Venâncio e em outros cinco municípios, a agência recebeu R$ 151.712 de pessoas que aguardavam e ainda aguardam para fazer suas viagens.

Uma das vítimas desembolsou R$ 18.500 pelo pacote e disse que entregou outros R$ 3.500 para que a proprietária trocasse por dólares. Um casal pagou cerca de R$ 20 mil por três pacotes. Uma das viagens já deveria ter sido feita.

 

Fonte: Jornal Folha do Mate
Créditos: Alvaro Pegoraro 

Compartilhar

Sábado para curtir o Golden Rock 2.0

Publicado em 17/05/2019 às 10h50

Matheus Machado, Dudu Camini, Alexandre Bertolli e Cris Seibt integram a DozeduroRock e chopp juntos. Essa é a proposta do evento que ocorre neste sábado, na Life Music Hall. O Golden Rock 2.0 é um evento open bar com a participação de cinco bandas de rock, a partir das 20h. Os ingressos podem ser adquiridos ao preço de R$ 45 feminino e R$ 75 masculino nos pontos de venda: Barão Bar e Prosa, Original Homem e Di Napoli Pizzaria. Haverá comercialização de ingressos na hora do evento. Mais informações podem ser adquiridas através do telefone (51) 99782-2148.

De acordo com os organizadores, o objetivo é reunir as bandas de rock conhecidas pela galera - Dozeduro, Mastodonte, Doomeds, Poison Apples e Ethylic Band - aliados ao chopp Golden Bauch produzido em Venâncio Aires. A primeira edição do evento foi realizada em 2015.

 

Fonte: Folha do Mate
Créditos: Ana Carolina Becker 
Foto: Leíne Bertotti 

Compartilhar

Por enquanto, Clênio fica no posto de Centro Linha Brasil

Publicado em 17/05/2019 às 10h49

Centenas de pessoas estiveram na Suib na noite de quinta, 16Centenas de pessoas moradoras do 5º distrito de Venâncio Aires estiveram na Suib, em Centro Linha Brasil, na noite desta quinta-feira, 16, para dar ainda mais força a um pedido: que o técnico em Enfermagem, Clênio Strassburger, permaneça trabalhando no posto de saúde da localidade.

Um abaixo-assinado de cerca de 2.300 assinaturas, de pessoas de Linha Brasil, Linha Isabel, Arroio Grande, Esperança, Saraiva, Linha Antão e Marechal Floriano, que também buscam atendimento na unidade de Centro Linha Brasil, foi apresentado à Administração Municipal.

A reportagem ainda não obteve retorno do prefeito Giovane Wickert e do secretário de Saúde, Ramon Schwengber, que participaram do encontro, para falar sobre o que foi definido. Mas, em contato com o próprio Clênio, o profissional explicou a proposta. 'A ideia é que que fique meio turno aqui e meio turno na cidade.' Essa mudança de horário e, em parte, de local, deve ocorrer nos próximos meses.

Enquanto as oito horas diárias não são divididas, o técnico segue em período integral no posto. 'Agradeço a toda comunidade o carinho e o reconhecimento. Como já disse, não esperava tanto apoio. E agradeço também à Administração, por tentar encontrar uma alternativa para que eu fique', destacou.

 

HORÁRIOS

Assim que o posto de Centro Linha Brasil contar com um enfermeiro, o horário da unidade deve ser das 7h30min às 13h30min. Ou seja, a maior parte da tarde não terá atendimento, fato que preocupa moradores próximos. ' A gente se preocupa sim. Por que como vão ficar os primeiros socorros, que sempre são feito aqui? E temos a escola aqui perto, quando uma criança se machuca, alguém passa mal, não terá esse atendimento logo', considerou a agricultora Adriane Metz.

Quanto à presença de um médico no posto, que está há cerca de um mês sem, a informação é de que um novo profissional começará a trabalhar em torno de 15 dias.

 

ENTENDA

A Prefeitura de Venâncio está perto de contratar oito enfermeiros para atuar em unidades de saúde, atendendo a uma determinação judicial com ganho de causa para o Conselho Regional de Enfermagem (Coren-RS). Na prática, naqueles locais onde há apenas técnicos trabalhando, eles serão substituídos por enfermeiros.

 

Fonte: Folha do Mate
Créditos: Débora Kist 
Foto: Adriane Metz

Compartilhar

Família pede ajuda para tratar filho com canabidiol

Publicado em 17/05/2019 às 10h47

Família vende rifas e cartões de galinhada para angariar recursos para compra do medicamentoUm medicamento não permitido no Brasil - que tem na sua base o canabidiol, extrato natural da cannabis sativa (maconha) -, trouxe dias melhores para a família de Guilherme Joaquim do Carmo, de 6 anos. Aos 3 anos, o menino foi diagnosticado com a síndrome do X frágil, autismo, e Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDAH).

Segundo a mãe do menino, Marli Palhares, de 31 anos, diversos medicamentos já foram testados, mas todos desenvolveram algum tipo de reação indesejada. 'O efeito dos medicamentos que testamos trouxeram outros problemas. Ele já ficou internado várias vezes', afirma. Marli destaca que o único remédio que trouxe melhora nas crises de agressividade do menino e desenvolvimento da fala foi o canabidiol, que tem maconha na sua composição e venda proibida no Brasil.

A neuropediatra Fernanda Silveira de Quadros, que atende Guilherme, receitou o medicamento e a família fez um pedido via judicial para conseguir os frascos por meio do Governo do Estado do Rio Grande do Sul. A mãe do menino relata que o vidro, que dura apenas uma semana, custa R$ 1.423,66 nos Estados Unidos, com nome comercial 1Pure 200mg/mL. 'Com o frete, ficaria mais de R$ 2 mil o frasco', diz.

Marli afirma que a melhora com o uso do medicamento foi muito grande. 'Antes ele não falava, agora forma até frases', comemora. Além disso, ela relata que as crises agressivas e surtos não terminaram, mas diminuíram significativamente. 'É um medicamento fitoterápico, que apresenta melhoras com o uso contínuo, por isso é tão importante que ele siga o tratamento', afirma.

 

OUTRAS ALTERNATIVAS

Devido ao alto custo para a compra do remédio e a espera pelo pedido judicial, a família foi à procura de outras alternativas. No Uruguai, um medicamento semelhante é vendido por menos da metade do preço. O Epifractan 5% 30ML é comercializado em farmácias por R$ 596.

Desde dezembro, a família faz campanhas para a compra do remédio. Atualmente, eles moram em Cachoeira do Sul, onde o pai do menino, Rodrigo Back, trabalha na área do comércio. Na campanha realizada no município foi arrecadado o valor de R$ 10 mil, utilizado para a compra do medicamento até agora. Assim que reúnem o valor necessário, viajam até Rivera para comprar ao menos um frasco. 'Eu tenho toda a documentação necessária para compra, mas gasto R$ 350 para ir de Cachoeira do Sul até o Uruguai buscar', desabafa.

Com o fim dos recursos, a família veio a Venâncio Aires - onde toda a família de Marli reside - para fazer uma nova campanha.

 

Galinhada e rifa para ajudar Guilherme

No dia 8 de junho será feita uma galinhada na sede do Cidade Nova para angariar fundos para a compra do medicamento para Guilherme. A família pede ajuda com os ingredientes para a preparação dos pratos e na compra dos cartões, vendidos por R$ 10. Além disso, uma rifa está sendo comercializada por R$ 3 o número.

O sorteio será realizado em julho e premia com aquecedor, liquidificador e uma manta de microfibra os contemplados. A rifa pode ser adquirida na recepção da Folha do Mate, Andréia Salgados, A Mobília e com integrantes do Movimento de Direita de Venâncio Aires, que também disponibilizam os cartões da galinhada.

O contato para ajudar com a campanha pode ser feito também diretamente com os pais de Guilherme pelos telefones (51) 99703-6580 (Marli) ou (51) 99811-1698 (Rodrigo). 'Caso sobrem alimentos para a galinhada, vamos doar para famílias carentes', ressalta Marli.

 

ROTINA

1 Em Cachoeira do Sul, Guilherme frequenta a Escola Municipal de Ensino Fundamental Mário Godoy Ilha. Marli conta que o ensino é difícil, pois por ele ser muito agitado e hiperativo não consegue se concentrar para o aprendizado.

2 'Também temos que ter cuidado para ele não machucar os colegas, pois quando tem crises ele fica muito agressivo', diz.

3 Além do uso do medicamento à base de canabidiol, Guilherme usa atualmente o Depakene, utilizado como estabilizador de humor.

4 A neuropediatra que atende o menino também receitou sessões de terapia com método ABA, fonoaudióloga, terapia cognitiva comportamental, musicoterapia, ambientoterapia e natação.

5 'A única que ele fez até agora foi uma sessão com a fonoaudióloga, é tudo muito caro e só meu marido trabalha, não recebemos auxílio', conta.

 

Canabidiol

? De acordo com material divulgado pela Revista Exame em janeiro deste ano, a prescrição médica de canabidiol aumentou 183% em três anos no Brasil.

? De 2015 a 2018, o número de profissionais que prescreveram canabinoides foi de 321 para 911 (alta de 183%), segundo dados da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) reunidos pela Abmedcan, entidade voltada à formação de médicos sobre o tema.

? O total de prescritores ainda é baixo, se comparado ao de pacientes que já receberam autorização para importar o produto: 4.236, até outubro. Incertezas sobre as substâncias, dificuldades de delimitar dosagens e insegurança sobre a legalidade da prática estão entre os motivos da baixa adesão.

 

Fonte: Folha do Mate
Créditos e Foto: Cassiane Rodrigues 

Compartilhar

Prazo para se inscrever no Enem termina hoje

Publicado em 17/05/2019 às 10h46

.Hoje é o último dia para os estudantes se inscreverem no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deste ano. As inscrições podem ser feitas pela internet, na Página do Participante, até as 23h59min.

A dica do Ministério da Educação é não deixar para se inscrever na última hora, pois são comuns os picos de acesso ao sistema de inscrição nos últimos minutos.

Também termina hoje o prazo para solicitar atendimento especializado e específico e para alterar dados cadastrais, município de provas e opção de língua estrangeira. No dia 22 será divulgado o resultado do pedido de atendimento especializado e específico.

 

Taxa de Inscrição

A taxa de inscrição para o Enem é de R$ 85. Quem não tem isenção deve fazer o pagamento, até o dia 23, em agências bancárias, casas lotéricas e Correios.

 

Provas

O Enem será aplicado em dois domingos, nos dias 3 e 10 de novembro. No primeiro dia de prova, os participantes responderão a questões de linguagens e ciências humanas e farão a prova de redação. Para isso, terão 5 horas e 30 minutos. No segundo dia, os estudantes terão 5 horas para resolver as provas de ciências da natureza e matemática.

Os gabaritos das provas serão divulgados até o dia 13 de novembro. O resultado sairá em data a ser divulgada posteriormente.

As notas do Enem podem ser usadas para ingressar em instituição pública pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu), para obter bolsas de estudo em instituições particulares de ensino superior pelo Programa Universidade para Todos (ProUni) e para obter financiamento pelo Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

 

Fonte: Folha do Mate
Créditos: Assessoria de Imprensa 

Compartilhar

Venâncio-airenses participam da Ciranda Cultural de Prendas

Publicado em 17/05/2019 às 10h44

Marina Mayer e Ana Júlia dos Santos (1ª Prenda e 1ª Prenda Mirim da 24ª RT), concorrem representando a Capital do Chimarrão no concursoMarina Mayer, 19 anos, acadêmica do curso de Fisioterapia da Univates e Ana Júlia dos Santos, 12 anos, estudante do 7º ano no Colégio Bom Jesus/Aparecida, representam a Capital Nacional do Chimarrão na 49ª Ciranda Cultural de Prendas, na cidade de Lajeado. Elas representam a 24ª Região Tradicionalista (24ª RT), nas categorias Adulta e Mirim, respectivamente, e a entidade de origem, o Centro de Tradição Gaúcha (CTG) Erva-Mate. Completa o trio, a candidata Juvenil, Cristini Zilio, representante do Grupo de Artes Nativas (GAN), Anita Garibaldi de Encantado.

Dentre as participantes, nove que se destacarem na prova escrita, com 30 questões; na oralidade, habilidades artísticas, Mostra Folclórica e relatório de eventos e projetos, conquistam os três 'tão sonhados' títulos de representantes da juventude tradicionalista gestão 2019/20.

 

REALIZAÇÃO

Nesta sexta, pela manhã teve início a prova escrita para todas as categorias, no complexo da Univates. Na sequência, serão avaliadas as Mostras Folclóricas e à noite ocorre a instalação oficial da Ciranda, com a presença das concorrentes, familiares e autoridades convidadas. As habilidades artísticas e oralidade serão apresentadas e avaliadas, ao longo deste sábado, também na Univates. Todas as atividades são abertas ao público sem cobrança de ingresso. No entanto, para o fandango oficial, o custo do ingresso será de R$ 35. Animado pelo Grupo Alma Gaúcha, o baile ocorrerá no Clube Tira e Caça.

 

CONQUISTA

Embora outros títulos de prendas e peões tenham colocado a 24ª RT no cenário estadual, foi por meio de Jéssica Thaís Herrera, do CTG Tropilha Farrapa, ao conquistar a colocação de 1ª Prenda do RS, em maio de 2018, que a Região é anfitriã pela primeira vez de uma Ciranda Cultural em âmbito estadual. Ela que fez a despedida na noite de ontem, junto das demais companheiras de gestão, entra para a galeria das eternas Prendas do MTG e do Estado. O concurso é realizado pela primeira vez na 24ª RT, que conquistou o direito a sediar o evento por meio do título de 1ª Prenda do RS, alcançado por Jéssica Thaís Herrera. Com a coordenação, atualmente de Luce Carmen da Rosa Mayer, a Região recebe 73 concorrentes das 30 Regiões Tradicionalistas do Rio Grande do Sul.

 

Sabemos que cada pessoa é única e que o importante é se orgulhar de nosso crescimento pessoal e tradicionalista durante a caminhada
MARINA MAYER - 1ª Prenda da 24ª RT

 

- Sexta-feira, 17 - Univates
8h - Prova escrita (Salas de aula, 5º andar, números 511, 512 e 513, Prédio 16)
9h às 12h - Montagem da Mostra Folclórica (Complexo Esportivo)
13h30min - Avaliação da Mostra Folclórica (Complexo Esportivo)
20h30min - Sessão Solene de Instalação da 49ª Ciranda Cultural de Prendas (Teatro)

- Sábado, 18 - Univates
8h30min - Prova Oral e Artística (Univates)
22h30min - Salão social do Clube Tiro e Caça
Fandango de resultado da 49ª Ciranda Cultural de Prendas - animação Conjunto Alma Crioula

 
 
Fonte: Folha do Mate
Créditos e Foto: Beatriz Colombelli
Compartilhar

left show fwB tsN|left tsN fwB|left show tsN fwR|c05||skype_c2c_logo_img|news login uppercase c05 b01 bsd|fsN uppercase c05 fwB sbss|fwR c05 uppercase b01 bsd|login news uppercase b01 bsd fsN tsN fwB c15|tsN fwR uppercase c05|fwR c05 uppercase|content-inner c05||