Notícias - Geral

Sorteio da promoção do dia das mães acontece nesta quarta-feira

Publicado em 15/05/2019 às 13h13

Está agendado para esta quarta-feira, 15, o sorteio da Campanha “Sua mãe merece”, promovida pela Caciva. A Campanha iniciou no dia 29 de abril e movimentou o comércio de Venâncio Aires. No total, 68 empresas de diversos segmentos participaram da campanha que sorteará 5 vales-compra de R$1000,00 para clientes e 5 vales-compra de R$200,00 para vendedores.

Os premiados poderão trocar os vales em qualquer um dos estabelecimentos participantes da promoção, podendo ser em empresas diferentes, entre as participantes da campanha, até atingir o valor limite de cada premiação. O sorteio acontece às 17h, na sede da Caciva.

Essa campanha faz parte da promoção 'Presente da Sorte', que envolve outras iniciativas que serão realizadas. Durante o ano, serão 90 ganhadores e R$40.000,00 em vales-compras que retornam para o comércio local.

 

Fonte: Portal RVA

Compartilhar

Vendas para o Dia das Mães crescem 3% em 2019

Publicado em 15/05/2019 às 13h12

A Câmara de Comércio, Indústria e Serviços de Venâncio Aires (Caciva) divulga o resultado das compras de presentes para o Dia das Mães. Os números são baseados em consultas feitas por meio do Serviço de Proteção ao Crédito (SCPC), administrado pela entidade. Com isso, houve crescimento de 3%, comparado ao ano passado. Apesar de pequeno, o percentual teve maior elevação do que a média nacional.

Isso porque, segundo a Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas e o SPC Brasil, as compras a prazo tiveram incremento de 0,11%. Os dados em Venâncio Aires levam em consideração todas as consultas feitas duas semanas antes do dia 12 de maio. Para os dados nacionais, em compras a prazo, pesquisa da confederação aponta que 35% dos presentes para as mamães foram feitas de forma parcelada.

Em 2018, as vendas a prazo no Brasil haviam crescido 4,36%, após acumularem três anos consecutivos de queda: 0,91% em 2017; 0,88% em 2016 e 2,82% em 2015. O levantamento foi feito partir de consultas de CPFs feitas nas bases de dados que o SPC Brasil tem acesso. As consultas mostram a intenção de compra a prazo do consumidor e podem resultar, ou não, na efetivação da venda. São consideradas apenas as consultas feitas pelo setor de comércio varejista nos sete dias anteriores ao domingo do Dia das Mães.

 

Fonte: Olá Jornal 

Compartilhar

Dia de mobilizações e protestos em Venâncio e região

Publicado em 15/05/2019 às 13h11

Agricultores, estudantes e professores realizam mobilizações ao longo desta quarta-feira. O dia 15 de maio foi agendado para fomentar o debate sobre cortes na educação, mudanças na aposentadoria e pela valorização da agricultura familiar. Algumas ações iniciaram ainda nesta terça-feira, 14. Uma caminhada no centro de Venâncio Aires foi realizada por alunos e professores do campus local do Instituto Federal Sul-riograndense (IFSul). Congelamento orçamentário superior aos 30% atinge a manutenção das atividades nas escolas técnicas federais e universidades. As escolas de ensino médio, Cônego Albino Juchem (CAJ) e Monte das Tabocas também aderem as mobilizações em defesa da educação pública.

Servidores e alunos do IFSul realizam ato de mobilização e defesa da educação na manhã desta quarta-feira, na Travessa São Sebastião Mártir. Atividades também serão realizadas no domingo, 19, no centro de Venâncio. Alunos e professores realizam a primeira edição da Mostra de Produção do IF Nas Ruas da Cidade. A proposta é de mostrar para a comunidade as atividades, pesquisas e projetos desenvolvidos na escola federal.

Já em Santa Cruz do Sul ao longo desta quarta ocorre o 9º Grito de Alerta, que busca a valorização da Agricultura Familiar e contra a perda de direitos com a Reforma da Previdência.  São esperados 12 mil pessoas nos atos de mobilização que pretendem alertar a comunidade e os agricultores sobre perdas para os produtores familiares, em especial se o texto atual da reforma ser aprovado. As atividades são organizadas pela Federação dos Trabalhadores da Agricultura do Rio Grande do Sul (Fetag-RS). De Venâncio Aires seis ônibus organizados pelo Sindicato dos Trabalhadores Rurais (STR) participam da atividade.

 

Fonte: Olá Jornal 

Compartilhar

Estudante venâncio-airense da Univates tem artigo publicado em revista internacional

Publicado em 14/05/2019 às 13h50

,O estudante de Engenharia Química da Universidade do Vale do Taquari (Univates) Marcos Aurélio Dahlem Júnior teve um artigo científico de sua autoria publicado na revista internacional Carbohydrate Polymers no mês de abril de 2019. O estudo, intitulado 'Evaluation of different methods for extraction of nanocellulose from yerba mate residues', nasceu do trabalho de conclusão de curso do formando que é morador de Venâncio Aires.

Conforme explica o Doutor André Luis Catto, professor do curso de Engenharia Química da Univates, o artigo desenvolvido por Dahlem teve como objetivo a obtenção de nanocelulose a partir de um resíduo de fibra vegetal proveniente da região do Vale do Taquari, avaliando diferentes métodos de extração e visando a futuras aplicações na área de nanotecnologia. 'Oriento o Marcos em seu trabalho de conclusão desde o último semestre de 2018 e, neste estudo, pesquisamos diferentes formas de tratamento para obtenção de nanocelulose a partir de resíduos de erva-mate', destaca. Catto e outras duas docentes da Univates, as professoras Cleide Borsoi e Betina Hansen, desenvolvem estudos e trabalham em um projeto de pesquisa sobre compósitos poliméricos com fibras vegetais, do qual Dahlem também faz parte.

Catto explica que o projeto trabalha com reaproveitamento de fibras vegetais da região do Vale do Taquari, como de erva-mate, engaço de uva e bagaço de malte, a partir dos quais são produzidos materiais compósitos com matriz polimérica. 'Objetiva-se, sobretudo, a criação de novos materiais unindo diferentes resíduos pós-consumo e agroindustriais para aplicações mais nobres. Dessa forma, conseguimos reduzir a geração de resíduos e o impacto ambiental', complementa o professor. A pesquisa desenvolvida por Dahlem em seu trabalho de conclusão teve um enfoque diferenciado. Priorizou o reaproveitamento de fibras vegetais de erva-mate na busca de nanocelulose, que são partículas de celulose em dimensões nanométricas que vêm ganhando destaque em diversas aplicações, devido às suas excelentes propriedades mecânicas, químicas e ópticas.

A publicação do artigo científico de Dahlem representa, para o curso de Engenharia Química, um grande feito. De acordo com Catto, 'a conquista do Marcos pode incentivar outros estudantes, estimulando a produção de pesquisas e o reconhecimento acadêmico'. Ainda, segundo o docente, a infraestrutura que a Univates oferece contribui para o desenvolvimento de atividades práticas e para a troca de experiências entre alunos e professores da graduação.

 

E-mail de aceite surpreendeu o formando

Dahlem ficou surpreso ao receber o e-mail confirmando a publicação de seu artigo tão rapidamente. 'Ainda não consigo acreditar. Este é o primeiro trabalho que submeto e, justamente por isso, tinha pouca noção acerca do processo de aceite. A revista foi rápida em responder, tendo todo o processo, desde a submissão até o aceite, levado em torno de 45 dias', comenta.

O artigo do graduando foi publicado em uma revista muito conceituada do ramo de materiais poliméricos. A publicação tem pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) o conceito Qualis A1, além de alto fator de impacto na área. Dahlem menciona que a sensação de ter seu trabalho aceito em uma produção tão importante para a academia é indescritível.

O estudante ressalta que sua conquista só foi possível graças ao apoio de várias pessoas que o motivaram durante todo o desenvolvimento do trabalho, além da estrutura disponibilizada pelo curso de Engenharia Química e pela Univates. 'Durante a graduação tive muitas oportunidades. Meus professores têm vasto conhecimento e sempre fizeram questão de compartilhá-lo. Os equipamentos utilizados nos laboratórios, as diferentes disciplinas do currículo, todos esses fatores influenciaram para que eu começasse a pensar "fora da caixa" e, assim, pudesse resolver os problemas que iam surgindo ao longo da pesquisa', esclarece.

O trabalho de Dahlem, que já está disponível para visualização no site de buscas de artigos científicos Science Direct, pode ser conferido no site.

 

Fonte: Jornal Folha do Mate
Créditos: AI Univates
Foto: Divulgação

 

Compartilhar

Alunos do IFSul selecionados para congresso em Malta

Publicado em 14/05/2019 às 13h47

Gabriel Gusson, Jeferson Santos, Samuel Teixeira, Theo de Lima Goes e Elvis Epstein integram os projetos selecionados para congresso em MaltaEstudantes do 4° ano do Instituto Federal Sul-rio-grandense (IFSul) Venâncio Aires estão mobilizados para arrecadar recursos para participar de um congresso internacional realizado pela Sociedade Internacional de Educação Através da Arte (InSEA), que ocorre em Valletta, na Ilha de Malta, na Europa. Quatro alunos do campus foram selecionados para o evento, que é considerado o mais importante na área.

Os artigos científicos selecionados, escritos em inglês, tratam sobre o teatro como forma de abordagem de temas como suicídio e outras questões sociais e psicológicas, e são fruto de um esforço realizado ao longo de quatro anos dentro do instituto.

Pesquisa e prática estão entrelaçadas nos trabalhos. Como explica um dos selecionados, Jeferson Santos, tanto o trabalho em sala de aula quanto as atividades no turno oposto realizadas por meio de projetos, ao longo do ensino médio, contribuíram para o resultado. 'É a coroação de uma longa jornada científica desses estudantes, nos últimos anos', destaca o professor Marcio Rodrigues, coordenador dos projetos.

O trabalho de Jeferson e Theo de Lima Goes é resultado de uma pesquisa envolvendo a temática do suicídio, a qual resultou no projeto de extensão 'A valorização da vida através do teatro'. Em parceria com a Secretaria de Educação de Venâncio Aires, eles levaram a intervenção cênica e o debate para dentro das escolas. 'Queríamos que esse estudo tivesse um impacto na sociedade', afirma Jeferson.

O outro trabalho do IFSul selecionado para o congresso em Malta é de Gabriel Gusson e Samuel Teixeira. O artigo é resultado de análise das experiências vivenciadas pelo público na peça 'Histórias no Escuro', apresentada no ano passado, em Venâncio Aires, pelo grupo Sol Brasileiro, que já teve reconhecimento em âmbito municipal, regional, estadual, nacional e internacional. Em 2017, o grupo participou do Festival Mundial de Teatro Adolescente Vamos que Venimos, em Buenos Aires, na Argentina.

 

ESTÍMULO 

Talvez a busca por algo a mais tenha sido um grande incentivador para os jovens que, em agosto, embarcam para Malta. No entanto, um dos grande aliados no estímulo desses jovens é o professor Marcio Rodrigues.

Jeferson Ribeiro explica que enfrentou os percalços da vida até que descobriu a pesquisa e o teatro. De família humilde, morador do bairro Cidade Nova, ele conta que chegou no Instituto Federal com a mentalidade de já ir embora, mas era sempre na leitura que encontrava uma fuga e se permitia a fazer questionamentos sobre diferentes temáticas e, ainda, desenvolver o pensamento crítico. 
No entanto, quando começou a ter oportunidades dentro do campus, especialmente no teatro, viu a possibilidade de novos horizontes e, atualmente, é um dos jovens que terá um artigo científico publicado em inglês em nível internacional, antes da conclusão do ensino médio. Assim como ele, outros estudantes do grupo encontraram na pesquisa e extensão uma forma de incentivo para debater os problemas sociais.

 

VAKINHA E PEÇAS

A viagem, que ocorre de 9 a 11 de outubro, terá um custo de R$ 32 mil, desde passaporte até custos de hospedagem e alimentação dos quatro jovens - Samuel Teixeira, Jeferson Ribeiro, Theo de Lima Góes e Gabriel Gusson. Por conta do contingenciamento de verbas no Instituto Federal, os alunos com ajuda do professor Marcio, mobilizam-se para arrecadar a quantia. Na última semana foi lançada uma 'Vakinha' virtual, por meio da qual a pessoa pode doar o valor que deseja para contribuir com a viagem.

Além disso, realizam apresentação teatrais em maio e junho na Sociedade de Leituras para auxiliar na quantia. A primeira apresentação é da peça 'O Pequeno Príncipe', nos dias 25 e 26 de maio, com sessões às 15h e às 17h. O valor é de R$ 20 para o público em geral e R$ 10 para estudante.

Já a peça 'Jornada' terá duas sessões no dia 1ª de junho, na Sociedade de Leituras, às 19h e às 21h, e nos dias 8 e 9 de junho, será às 19h. A peça tem valor de R$ 20 para o público geral e R$ 10 para estudantes.

 

Fonte: Jornal Folha do Mate
Créditos: Ana Carolina Becker 
Foto: Juliana Bencke

Compartilhar

Obras do crematório estão paralisadas em virtude do mau tempo

Publicado em 14/05/2019 às 13h45

As obras para a construção do crematório regional no Cemitério Parque Jardim Bela Vista estão paralisadas devido aos dias chuvosos constantes nas últimas semanas. Segundo o empresário José Luiz Kist, a construção não avança há três semanas, pois é necessário a entrada de equipamentos pesados e materiais colocados com guindaste, o que se torna inviável com o solo molhado.

A estimativa de Kist é que em mais 10 dias de trabalho as obras sejam finalizadas. 'A ideia é que já estivesse tudo pronto, mas o tempo não ajudou', relata.
O empreendimento é da Organização Kist e vai oferecer o serviço de cremação para humanos e animais. A proposta é que sejam oferecidos planos com preços acessíveis.

 

RELEMBRE

A Fundação Estadual de Proteção Ambiental (Fepam) concedeu a liberação para o início das obras do crematório regional de Venâncio Aires em janeiro deste ano. Na sequência, começaram as obras no Parque Jardim Bela Vista dos pavilhões para abrigar os fornos. Assim que for concluída a obra do espaço dos fornos a Fepam deve fazer uma visita para testar os aparelhos. Com a autorização do órgão, já será possível começar os trabalhos.

O projeto das instalações de um crematório em Venâncio Aires existe desde 1998 e surgiu junto à ideia de criação do Cemitério Parque Jardim Bela Vista. A licença ambiental prévia para o crematório regional foi concedida pela Fundação Estadual de Proteção Ambiental (Fepam) em novembro de 2016 e, agora, a liberação para início das obras foi oficializada restando apenas a licença para início das atividades após isso. Pela abrangência regional do serviço, o complexo poderá atingir os municípios do Vale do Rio Pardo e Taquari, Centro Serra e Região Central.

 

Fonte: Jornal Folha do Mate
Créditos: Cassiane Rodrigues 

Compartilhar

Fenachim distribui 1,9 tonelada de erva-mate e 11 mil litros de água quente aos visitantes

Publicado em 14/05/2019 às 13h39

Ao todo, mais de 1,2 mil pessoas registraram presença no livro da Escola do ChimarrãoO chimarrão faz parte da cultura do povo gaúcho, movimenta a economia e é um dos grandes patrimônios do Rio Grande do Sul. Na 15ª Festa Nacional do Chimarrão (Fenachim), que se encerrou no domingo, 12, ele foi protagonista.

Nos nove dias de Festa, o público foi recepcionado pela Escola do Chimarrão, junto ao Chimarródromo, que contou com aulas sobre o preparo da bebida e ofertou, em parceria com as ervateiras Elacy, Madrugada e Biomate, os insumos para o chimarrão dos visitantes, de forma gratuita, totalizando 1,9 tonelada de erva-mate e 11 mil litros de água quente distribuídos na 15ª edição da Festa.

Com a proposta de cultuar as tradições e difundir a bebida, resgatando-a como hábito cultural e patrimônio dos gaúchos, o Instituto Escola do Chimarrão, organização não-governamental e sem fins lucrativos, convidou o público a conhecer mais sobre a história do mate e seus benefícios ao longo da Fenachim. Ao todo, mais de 1,2 mil pessoas registraram presença no livro da Escola, vindas dos mais diferentes cantos do país, incluindo estados como Rio de Janeiro e Tocantins, além de outros países como Argentina e Itália.

Conforme o diretor da Escola do Chimarrão e embaixador de Venâncio Aires, Pedro Schwengber, o destaque do espaço foi chimarrão de 11 segundos. 'As pessoas ficam maravilhadas pela facilidade e praticidade do preparo. A Escola, que atuou com uma equipe de 15 pessoas, foi uma oficina permanente, tirando as dúvidas e curiosidades dos visitantes', destacou.

 

RELEMBRE

Na Festa com o Sabor do Rio Grande, a Escola do Chimarrão expôs 37 tipos da bebida, todos com um significado especial. Entre eles, destaque para o chimarrão do Gênero Feminino, criado pela presidente da 15ª Fenachim, Cleiva Giovanaz Heck.

Além deste, estiveram expostos também: da engrenagem, furo alto, estrela, canhoto, da praia, da flor, ponte, tapado, amargo, poço, primavera, apaixonado, do prego, furo quadrado, invertido, escovado, mate doce, da colher, namorados, tradicional, homenagem, china pobre, achego, toca de tatu, vulcão, riscadinho, xadrez, peão pobre, ferradura, formigueiro, ventania, roda de carreta, da copa, repartido e meia lua.

 

Fonte: Four Comunicação
Créditos: Assessoria de Imprensa da 15ª Fenachim
Foto: Willian de Oliveira

Compartilhar

STR completa 57 anos de atividades em Venâncio Aires

Publicado em 14/05/2019 às 13h37

: Fengler: 'Precisamos ficar mobilizados para não perdermos nossos direitos'Fundado no dia 13 de maio de 1962, o Sindicato dos Trabalhadores Rurais (STR) de Venâncio Aires, completa nesta segunda-feira, 13, 57 anos de atividades no município.

Ao trazer um breve sobre a caminhada, o presidente do STR Cláudio Fengler, lembra que por ocasião da fundação, mais de 700 pessoas lideradas pela Igreja Católica, por meio da Frente Agrária Gaúcha, acreditaram que somente unidos poderiam conquistar uma vida mais digna para suas famílias e atenderam ao chamado e se uniram em um sindicato.

Nomes como o Cônego Albino Juchem, Wilibaldo Lenz e seus filho Irineu Lenz, Arthur Finkler, o primeiro presidente da entidade de classe Octávio Adriano Klafke, foram muito importantes, pois o começo foi difícil, de trabalho duro, quando nada se tinha, não havia sede, não haviam, benefícios, nem amparo legal, tampouco organização.

'O sindicalismo era um projeto, uma ideia, uma vontade das lideranças que rodavam pelo interior, nas picadas nas estradas de chão, no lombo do cavalo, buscando difundir a importância da organização entre os agricultores para a busca de melhoria na vida no meio rural', frisa Fengler.

Passados 57 anos, Fengler reforça que o espírito de luta permanece vivo na história do STR, assim como permanece vivo o espírito de liderança dos agricultores que presidiram essa importante entidade como Octávio Adriano Klafke, Aloysius Heinen, Armindo Silberschlag, Aloysio João Siebeneichler, Arsélio Renz, Breno Brandenburg e Elemar Walker. 'O STR sempre teve na sua essência a luta pelos direitos das pessoas menos favorecidas', resume.

'Lutamos pela manutenção dos direitos previdenciários conquistados na Constituinte de 1988. Também lutamos pela valorização da agricultura familiar e pela manutenção das políticas públicas que mantem o homem no campo'. CLÁUDIO FENGLER, Presidente do STR de Venâncio Aires

 

Fonte: Jornal Folha do Mate
Créditos e foto: Edemar Etges

Compartilhar

Prazo para se inscrever no Enem encerra na sexta-feira

Publicado em 14/05/2019 às 13h36

;Quem ainda não se inscreveu para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019 tem até a sexta-feira, 17, para fazer a inscrição pela internet. No dia 17 também encerra o prazo para solicitar atendimento especializado e específico e para alterar dados cadastrais, município de provas e opção de língua estrangeira.

A taxa de inscrição para o Enem é de R$ 85. Quem não tem isenção de taxa deve fazer o pagamento até o dia 23 de maio. O prazo para pedidos de atendimento por nome social vai de 20 e 24 de maio. As provas do Enem serão aplicadas em dois domingos, 3 e 10 de novembro.

Quem já concluiu o ensino médio ou vai concluir este ano pode usar as notas do Enem, por exemplo, para se inscrever em programas de acesso à educação superior como o Sistema de Seleção Unificada (Sisu) e o Programa Universidade para Todos (ProUni) ou de financiamento estudantil.

A prova também pode ser feita pelos estudantes que vão concluir o ensino médio depois de 2019, mas nesse caso os resultados servem somente para autoavaliação, sem possibilidade de concorrer a vagas ou a bolsas de estudo.

 

Fonte: Jornal Folha do Mate
Créditos: Agência Brasil
Foto: Divulgação

Compartilhar

Pedidos de recurso e revisão do INSS passam a ser feitos por internet

Publicado em 14/05/2019 às 13h35

.A partir de hoje os pedidos de revisão de valor do benefício, de recursos e de cópia de processos do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) poderão ser feitos apenas pela internet, no Meu INSS, ou pelo telefone 135.

A estimativa do INSS é que atualmente esses serviços levem mais de 70 mil pessoas por mês às agências. Com as solicitações feitas pela internet ou telefone, o órgão espera melhorar o atendimento ao público e poupar trabalho e gastos aos cidadãos que precisam se descolar em busca de uma agência do órgão.

A mudança faz parte do projeto de transformação digital implantado pelo INSS para ampliar a oferta de serviços digitais.

 

Fonte: Jornal Folha do Mate
Créditos: Agência Brasil
Foto: Arquivo / Agência Brasil

Compartilhar

left show fwB tsN|left tsN fwB|left show tsN fwR|c05||skype_c2c_logo_img|news login uppercase c05 b01 bsd|fsN uppercase c05 fwB sbss|fwR c05 uppercase b01 bsd|login news uppercase b01 bsd fsN tsN fwB c15|tsN fwR uppercase c05|fwR c05 uppercase|content-inner c05||