Agroindústria agrega renda e alavanca crescimento do município

Publicado em 11/10/2017 às 10h30

Evento reuniu agricultores familiares de diversos municípios do estadoAproximar as agroindústrias das tendências do setor, bem como, esclarecer dúvidas sobre a legislação que está sendo auditada e, ainda, aproximar os agricultores possibilitando trocarem experiências e tirarem dúvidas entre si. Foi o objetivo da primeira edição do Workshop da Agroindústria Familiar, realizada na manhã desta terça-feira, 10, no Galpão Morada Velha, no Parque Municipal do Chimarrão.

O tema do evento foi ´Inserção no Mercado Contemporâneo` e durante a abertura, o presidente do Sindicato Rural de Venâncio Aires Ornélio Sausen, o supervisor do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar/RS) Ricardo Lopes de Almeida, e o vice-prefeito Celso Krämer, destacaram a importância das agroindústrias familiares, pois oportunizam aos agricultores agregarem renda, o que gera emprego e renda para a cidade e ainda, ajuda a alvanar o crescimento do município. Krämer defendeu a necessidade de valorizar as agroindústrias familiares e assim, fazer a sucessão rural. 'Precisamos firmar parcerias para levar conhecimentos para que o jovem tenha uma alternativa para produzir e comercializar a sua produção', frisou

Palestras

O encontro contou com algumas palestras e depoimentos de produtores que têm sucesso com o seu empreendimento familiar. O engenheiro agrônomo da Emater/RS-Ascar Central Márcio Dalbem, abordou o tema ´Avanços na legalização das agroindústrias familiares`. Ele colocou que elas estão presentes em milhares de propriedades rurais do estado e grande parte ainda está na informalidade e o desafio é legalizar estes empreendimentos. Outro tema foi ´O Susaf e o Sisbi/Suasa abrindo novos mercados`, abordado por Neusa Castro, da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperatismo. Ela enfatizou que as agroindústrias precisam estar legalizadas para garantir a segurança do produto que o consumidor vai adquirir. 'Qualidade nos produtos vocês têm. Porém, precisam ter esta mesma qualidade nas embalagens onde acondicionam os produtos para comercializá-los', defendeu Luane Fagundes, do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) ao tratar sobre o tema ´A importância da embalagem como diferencial competitivo`.

Sucesso

Localizada no sul de Santa Catartina, e envolvendo 14 agroindústrias de oito municípios daquela região, que trabalham em rede, a Agreco foi um dos casos de sucesso apresentados. Segundo o coordenador da rede Adilson Lunardi, os agricultores trabalham com produtos de baixo impacto ambiental, com uma gama de produtos variados, diferenciados e orgânicos, todos certificados pela Eco Cert.
Outro caso de sucesso foi apresentado por César Gheno, proprietário de uma agroindústria familiar localizada no município de Putinga, RS, especializada produção de subprodutos de aipim (tabletes e palitos) e de polentas prontas. Segundo Gheno, o segredo para ter sucesso no empreendimento é a inovação, ou seja, oferecer produtos novos e diferentes.

 

Fonte: Jornal Folha do Mate
Créditos e foto: Edemar Etges

voltar para Notícias - Geral

left show fwB tsN|left tsN fwB|left show tsN fwR|c05||skype_c2c_logo_img|news login uppercase c05 b01 bsd|fsN uppercase c05 fwB sbss|fwR c05 uppercase b01 bsd|login news uppercase b01 bsd fsN tsN fwB c15|tsN fwR uppercase c05|fwR c05 uppercase|content-inner c05||