Alunos do IFSul selecionados para congresso em Malta

Publicado em 14/05/2019 às 13h47

Gabriel Gusson, Jeferson Santos, Samuel Teixeira, Theo de Lima Goes e Elvis Epstein integram os projetos selecionados para congresso em MaltaEstudantes do 4° ano do Instituto Federal Sul-rio-grandense (IFSul) Venâncio Aires estão mobilizados para arrecadar recursos para participar de um congresso internacional realizado pela Sociedade Internacional de Educação Através da Arte (InSEA), que ocorre em Valletta, na Ilha de Malta, na Europa. Quatro alunos do campus foram selecionados para o evento, que é considerado o mais importante na área.

Os artigos científicos selecionados, escritos em inglês, tratam sobre o teatro como forma de abordagem de temas como suicídio e outras questões sociais e psicológicas, e são fruto de um esforço realizado ao longo de quatro anos dentro do instituto.

Pesquisa e prática estão entrelaçadas nos trabalhos. Como explica um dos selecionados, Jeferson Santos, tanto o trabalho em sala de aula quanto as atividades no turno oposto realizadas por meio de projetos, ao longo do ensino médio, contribuíram para o resultado. 'É a coroação de uma longa jornada científica desses estudantes, nos últimos anos', destaca o professor Marcio Rodrigues, coordenador dos projetos.

O trabalho de Jeferson e Theo de Lima Goes é resultado de uma pesquisa envolvendo a temática do suicídio, a qual resultou no projeto de extensão 'A valorização da vida através do teatro'. Em parceria com a Secretaria de Educação de Venâncio Aires, eles levaram a intervenção cênica e o debate para dentro das escolas. 'Queríamos que esse estudo tivesse um impacto na sociedade', afirma Jeferson.

O outro trabalho do IFSul selecionado para o congresso em Malta é de Gabriel Gusson e Samuel Teixeira. O artigo é resultado de análise das experiências vivenciadas pelo público na peça 'Histórias no Escuro', apresentada no ano passado, em Venâncio Aires, pelo grupo Sol Brasileiro, que já teve reconhecimento em âmbito municipal, regional, estadual, nacional e internacional. Em 2017, o grupo participou do Festival Mundial de Teatro Adolescente Vamos que Venimos, em Buenos Aires, na Argentina.

 

ESTÍMULO 

Talvez a busca por algo a mais tenha sido um grande incentivador para os jovens que, em agosto, embarcam para Malta. No entanto, um dos grande aliados no estímulo desses jovens é o professor Marcio Rodrigues.

Jeferson Ribeiro explica que enfrentou os percalços da vida até que descobriu a pesquisa e o teatro. De família humilde, morador do bairro Cidade Nova, ele conta que chegou no Instituto Federal com a mentalidade de já ir embora, mas era sempre na leitura que encontrava uma fuga e se permitia a fazer questionamentos sobre diferentes temáticas e, ainda, desenvolver o pensamento crítico. 
No entanto, quando começou a ter oportunidades dentro do campus, especialmente no teatro, viu a possibilidade de novos horizontes e, atualmente, é um dos jovens que terá um artigo científico publicado em inglês em nível internacional, antes da conclusão do ensino médio. Assim como ele, outros estudantes do grupo encontraram na pesquisa e extensão uma forma de incentivo para debater os problemas sociais.

 

VAKINHA E PEÇAS

A viagem, que ocorre de 9 a 11 de outubro, terá um custo de R$ 32 mil, desde passaporte até custos de hospedagem e alimentação dos quatro jovens - Samuel Teixeira, Jeferson Ribeiro, Theo de Lima Góes e Gabriel Gusson. Por conta do contingenciamento de verbas no Instituto Federal, os alunos com ajuda do professor Marcio, mobilizam-se para arrecadar a quantia. Na última semana foi lançada uma 'Vakinha' virtual, por meio da qual a pessoa pode doar o valor que deseja para contribuir com a viagem.

Além disso, realizam apresentação teatrais em maio e junho na Sociedade de Leituras para auxiliar na quantia. A primeira apresentação é da peça 'O Pequeno Príncipe', nos dias 25 e 26 de maio, com sessões às 15h e às 17h. O valor é de R$ 20 para o público em geral e R$ 10 para estudante.

Já a peça 'Jornada' terá duas sessões no dia 1ª de junho, na Sociedade de Leituras, às 19h e às 21h, e nos dias 8 e 9 de junho, será às 19h. A peça tem valor de R$ 20 para o público geral e R$ 10 para estudantes.

 

Fonte: Jornal Folha do Mate
Créditos: Ana Carolina Becker 
Foto: Juliana Bencke

voltar para Notícias - Geral

left show fwB tsN|left tsN fwB|left show tsN fwR|c05||skype_c2c_logo_img|news login uppercase c05 b01 bsd|fsN uppercase c05 fwB sbss|fwR c05 uppercase b01 bsd|login news uppercase b01 bsd fsN tsN fwB c15|tsN fwR uppercase c05|fwR c05 uppercase|content-inner c05||