Escolas do campo mantêm comunidades unidas

Publicado em 26/07/2018 às 16h26

Joice Gassen destaca importância das escolas do campo para as comunidadesAs 17 Escolas Municipais de Ensino Fundamental (Emefs) do interior de Venâncio Aires e que estão sob a tutela da Secretaria Municipal de Educação, segundo a secretária municipal de Educação, Joice Battisti, Gassen, são responsáveis em manter a união das comunidades onde elas estão inseridas. Por isso, todo o esforço da Administração Municipal em manter estas escolas em funcionamento, mesmo com um baixo número de alunos, como é o caso das multisseriadas.

Nos últimos anos, a Secretaria Estadual de Educação, via 6ª CRE, desativou cinco escolas estaduais de ensino fundamental em Venâncio Aires. Segundo Joice, está em processo de municipalização da Escola Santa Isabel de Linha Isabel, que conta com 30 alunos. Com este número de alunos, é possível, sim, manter uma escola funcionando no interior. 'Fechar uma escola não significa que os alunos vão ficar sem estudo. Eles somente serão alocados em outra escola', frisa.

 

ESCOLAS ESTADUAIS

A 6ª Coordenadoria Regional de Educação (CRE), que tem como coordenador regional de Educação Luiz Ricardo Pinho Moura, busca sempre atender as necessidades das escolas, e, ainda, busca fomentar parcerias, objetivando agregar sempre mais aos educandos destas escolas.

Sobre a possibilidade de fechar mais escolas, a 6ª CRE assegura que no momento, a mantenedora não tem o intuito de cessar nenhum outro estabelecimento de ensino, até porque se preocupa e entende a importância das escolas para o meio onde as mesmas estão inseridas.

 

FORMAÇÃO

Moura salienta que a 6ª CRE está sempre proporcionando formações para os professores para que as realidades vividas por estes educandos sejam sempre consideradas nas abordagens e projetos pedagógicos desenvolvidos na escola, procurando que estes educandos valorizem o espaço onde vivem e que possam perceber possibilidades de sucessão se assim quiserem.

 

Fechadas
As escolas cessadas nos últimos anos foram: EEEF de Tangerinas, EEEF Arthur Emilio Mylius, EEEF Avaí, EEEF de Linha Bem Feita e EEEF Ondina dos Santos Martins, e os poucos alunos remanescentes nestas escolas foram encaminhados para outras Escolas do Campo na proximidades destas.

 

Fonte: Jornal Folha do Mate
Créditos:Edemar Etges 
Foto: Juliana Bencke

voltar para Notícias - Geral

left show fwB tsN|left tsN fwB|left show tsN fwR|c05||skype_c2c_logo_img|news login uppercase c05 b01 bsd|fsN uppercase c05 fwB sbss|fwR c05 uppercase b01 bsd|login news uppercase b01 bsd fsN tsN fwB c15|tsN fwR uppercase c05|fwR c05 uppercase|content-inner c05||