I Encontro técnico marca as homenagens aos fumicultores

Publicado em 01/11/2018 às 16h05

O produtor de tabaco merece a homenagem pelos seguintes fatores: ele tem respeito à terra; cuida bem do solo; tem respeito ao meio ambiente pois há muitos anos já não corta mata nativa; há muito tempo se dedica aos estudos de seus filhos; e, não usa o trabalho infantil no tabaco. As citações do presidente da Associação dos Fumicultores do Brasil (Afubra) Benício Albano Werner, sintetizam a importância das homenagens ao produtor de tabaco, transcorrido no domingo, 28, e realizadas na tarde de hoje, ontem, na sede social da comunidade São José de Linha Cerro dos Bois.

Na abertura, os líderes presentes também destacaram a importância econômica e social da fumicultura para os produtores, municípios, estado e país e se solidarizaram com os fumicultores que tiveram suas lavouras arrasadas com o granizo ocorrido na noite da terça-feira, 30.

O ponto alto dos festejos foram as três palestras técnicas. Vicente Fin aprofundou o tema ´Condições do solo antes e depois do tabaco `. O assessor técnico do SindiTabaco Darci Silva, apresentou o Produção Integrada Agropecuária denominada de PI Brasil. E, Benício Werner, apresentou dados gerais sobre a produção de tabaco de Venâncio Aires e dos três estados do Sul do Brasil relativos à Safra 2017/18.

Após as palestras, os produtores foram homenageados com um café colonial servido pela agroindústria familiar de Ledi Maggioni, de Linha Arroio Grande e oferecido pelo SindiTabaco.

 

Fonte: Jornal Folha do Mate
Créditos e foto: Edemar Etges

voltar para Notícias - Geral

left show fwB tsN|left tsN fwB|left show tsN fwR|c05||skype_c2c_logo_img|news login uppercase c05 b01 bsd|fsN uppercase c05 fwB sbss|fwR c05 uppercase b01 bsd|login news uppercase b01 bsd fsN tsN fwB c15|tsN fwR uppercase c05|fwR c05 uppercase|content-inner c05||