Prefeito chama Rek Parking para repassar queixas

Publicado em 22/11/2017 às 10h23

A pedido do prefeito Giovane Wickert (PSB), representantes da Rek Parking, empresa responsável pelo gerenciamento do estacionamento rotativo na área central de Venâncio Aires, estarão na cidade nesta quinta-feira, 23, para uma reunião - agendada para às 8h, no Gabinete do Prefeito - na qual o chefe do Executivo repassará queixas recebidas de usuários dos parquímetros e solicitará melhorias no sistema.

Wickert tomou a iniciativa de buscar diálogo com a Rek Parking após ser comunicado de uma série de reclamações relacionadas ao rotativo. Entre os principais apontamentos estão as deficiências nos equipamentos - que estariam 'engolindo moedas ou fora de funcionamento com frequência - e ainda a dificuldade para solucionar problemas que, conforme os usuários, são ocasionados por falhas nos parquímetros. Há reclamações, por exemplo, de infrações lançadas contra condutores que digitam o número da placa do veículo, porém a operação não é registrada no sistema. A digitação é novidade recente do rotativo.

Três anos
A zona azul está em funcionamento na região central da Capital Nacional do Chimarrão há mais de três anos. Depois de um período de adaptação, a cobrança para estacionar nas áreas demarcadas foi implementada no dia 15 de outubro de 2014. Segundo o contrato assinado entre Município e a Rek Parking, que foi a vencedora da licitação na época, 14% do percentual bruto arrecadado é repassado para a Prefeitura. A média de arrecadação mensal fica na casa dos R$ 90 mil, conforme informações da empresa e Executivo.

Enquete
Enquete proposta pela Folha do Mate, em agosto deste ano - cujo resultado foi publicado em forma de reportagem na edição impressa -, mostrou que 82,9% dos participantes queriam uma revisão ou modificação no estacionamento rotativo. Na avaliação geral, 85,4% dos 211 usuários consideraram o sistema regular ou ruim. Outra solicitação é pelo aumento de tempo para a quitação de Tarifa de Pós-Utilização (TPU), de 24 para 48 horas após aplicação da infração. O valor da TPU é de R$ 14, atualmente.

Promotoria segue analisando denúncia
O promotor de Justiça João Afonso da Silva Beltrame continua analisando documentações acerca de denúncia feita pelo vereador Tiago Quintana (PDT) de que integrantes da Administração Municipal - prefeito Giovane Wickert; primeira-dama Cristiane Wickert; chefe do Departamento de Trânsito e da Defesa Civil, Dário Martins; responsável pela Assessoria de Comunicação Social e Marketing, Adriene Antunes; assessor da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo, João Moacir Ferreira; e secretário de Infraestrutura e Serviços Públicos, Renato Gollmann - seriam beneficiados com 'alívio' de infrações.

Quintana denunciou as supostas irregularidades na tribuna da Câmara de Vereadores e encaminhou as placas de veículos cujos proprietários seriam contemplados com a retirada de apontamentos para o Ministério Público. Conforme Beltrame, ainda estão sendo verificadas 'quatro caixas contendo os registros de 7,8 mil ocorrências relacionadas ao período denunciado'. O promotor acredita que não será possível concluir a apuração até o fim do ano, mas antecipou que 'inicialmente, não consegui notar direcionamento, já que as situações envolvendo as placas informadas são semelhantes a várias outras'. O representante do MP revelou que entre 80 e 90 placas foram analisadas e as situações são as mesmas dos denunciadas.

                    ''É uma amostragem preliminar e, inicialmente, não consegui notar direcionamento. Porém, vou continuar analisando o material, o que vai demandar bastante tempo. Antes do fim do ano acho que não terei como concluir'' - João Afonso Beltrame, promotor de Justiça.

Fonte: Jornal Folha do Mate
Créditos: Carlos Dickow

voltar para Notícias - Geral

left show fwB tsN|left tsN fwB|left show tsN fwR|c05||skype_c2c_logo_img|news login uppercase c05 b01 bsd|fsN uppercase c05 fwB sbss|fwR c05 uppercase b01 bsd|login news uppercase b01 bsd fsN tsN fwB c15|tsN fwR uppercase c05|fwR c05 uppercase|content-inner c05||