Notícias - Polícia

Motorista cochila e carro cai em barranco na RSC-453

Publicado em 04/03/2019 às 11h40

Carro foi retirado com ajuda de um guinchoUm cochilo quase resultou em tragédia na tarde deste domingo, 3, em Venâncio Aires. Um homem de 31 anos seguia sozinho em uma Prisma com placas de Venâncio quando, na altura do quilômetro 8 da RSC-453, por volta de 13h, um momento de vacilo fez o carro sair da pista.

O veículo desceu o barranco e caiu com as rodas para cima em meio a árvores, o que praticamente destruiu o carro. O Comando Rodoviário da Brigada Militar de Cruzeiro do Sul logo chegou ao local, assim como a ambulância da Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR).

Segundo informações do CRBM, o motorista estava consciente e relatou aos policias e equipe de resgate que teria cochilado no volante. Apesar do susto e estrago do veículo, o homem sofreu apenas ferimentos leves. Ainda assim, foi conduzido ao Hospital São Sebastião Mártir. Para retirada do carro, foi necessário uso de um guincho.

 

Fonte: Jornal Folha do Mate
Créditos: Débora Kist 
Foto: Reprodução / WhatsApp

 

Compartilhar

Só em fevereiro, 36 mulheres de Venâncio pediram as medidas protetivas

Publicado em 04/03/2019 às 11h38

O mês de fevereiro fechou com números alarmantes no que se refere à violência doméstica. Pelo menos 36 vítimas procuraram a Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) para denunciar seus maridos, ex-maridos, companheiros ou ex-companheiros e solicitar as medidas protetivas da Lei Maria da Penha. A maioria dos casos se refere a ameaças de morte.

Apesar dos números preocupantes, o delegado Vinícius Lourenço de Assunção acredita que eles sejam bem maiores. O titular da DPPA estima que o número de vítimas que denunciam seus agressores é de aproximadamente 50% do total. Como justificativas para as mulheres sofrerem caladas, cita o medo e a dependência financeira.

Um dos casos que chegou ao conhecimento é de uma mulher de 31 anos, que conviveu por cerca de dez anos com um homem um ano mais novo. A vítima disse que ele sempre foi agressivo e violento e que este foi um dos motivos que a levou a se separar do companheiro e ir morar em Santa Catarina.

Porém, a distância não foi impecilho para as agressividades do acusado. De acordo com a vítima, ela passou a ser ameaçada de morte via celular. O ex-companheiro disse à vítima, que reside no interior de Venâncio Aires, disse que a mataria quando ela voltasse a residir no município. Por necessidade, a mulher está de volta e decidiu pedir as medidas protetivas.

Outro caso que chegou ao conhecimento da Polícia Civil é de uma jovem de 22 anos, que por cerca de quatro anos conviveu com um homem de 39 anos. O casal residia em Soledade e ao se separar - há cerca de quatro meses -, ela decidiu vir morar em Venâncio.

Agora, conforme o que ela declarou na DPPA, o ex-companheiro a ameaça via celular. Em uma das ligações, disse que virá ao município para matá-la.

 

AUMENTO

Dados da Polícia Civil mostram que no ano passado, no mês de fevereiro, 14 mulheres solicitaram as medidas protetivas, contra 24 de 2017. Em todo o 2018, 255 vítimas solicitaram as medidas protetivas da Lei Maria da Penha.

 

Fonte: Jornal Folha do Mate
Créditos: Alvaro Pegoraro

Compartilhar

Homicídio é registrado em Venâncio Aires

Publicado em 04/03/2019 às 11h37

O assassinato de um homem foi registrado na noite deste domingo, 03, em Venâncio Aires. Por volta de 20h, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado para atender a um homem ferido na região do bairro Gressler. A Brigada Militar atendeu a ocorrência e, segundo os policiais, a vítima fatal é Eliel Silveira. O indivíduo de 41 anos foi atingido por dois disparos de arma de fogo, um no peito e outro na nuca, e não resistiu aos ferimentos. O caso foi em via pública, na rua Carlos Wagner. As motivações do assassinato ainda são averiguadas e devem ser investigadas.

 

Fonte: Portal RVA
Créditos: Veridiana Röhsler e Rodolfo Becker
Foto: Rodolfo Becker

Compartilhar

Noite de Carnaval tem três registros de embriaguez e atropelamento no centro de Venâncio Aires

Publicado em 04/03/2019 às 11h34

O Carnaval tem movimentando as equipes de Segurança Pública em Venâncio Aires e região. Confira as últimas ocorrências que foram divulgadas pela Polícia Rodoviária Estadual, Polícia Civil, Samu, Brigada Militar e Corpo de Bombeiros: 

*** Homem é atropelado por carro às 3h da madrugada deste domingo, 3. A equipe do Samu foi acionada para fazer o atendimento de um atropelamento na esquina das ruas Júlio de Castilhos e Armando Ruschel. Um homem, de 22 anos, sofreu alguns ferimentos e foi removido para atendimento no Hospital São Sebastião Mártir. O motorista foi autuado pela Brigada Militar. 

*** Em duas horas, três motoristas são autuados por embriaguez ao volante. A madrugada de domingo, 3, foi movimentada para a equipe da Polícia Rodoviária Estadual de Cruzeiro do Sul. Por volta das 4h20min, na ERS-413, quilômetro 9, em Santa Clara do Sul, um condutor de Lajeado, de 19 anos, foi abordado e ao ser solicitado negou-se a realizar o teste do bafômetro. Com isso, a sua CNH foi recolhida e o carro entregue para um condutor habilitado. 

Às 5h30min, na RSC-453, em frente ao batalhão da Polícia Rodoviária, um Celta de Venâncio Aires foi parado pela equipe. Ao ser consultado o sistema, o veículo estava com o licenciamento vencido e o motorista, de 21 anos, negou-se a soprar o bafômetro. A CNH e o carro foram recolhidos. 

Por volta das 6h20min, também em frente ao batalhão da Polícia Rodoviária, o condutor de uma moto Honda Titan, de Venâncio Aires, teve a sua CNH recolhida por negar-se a soprar o bafômetro. O motorista de 23 anos entregou o seu veículo para um condutor habilitado. 

*** Dois motociclistas ficam feridos em acidentes em Venâncio Aires neste sábado, 2. A primeira ocorrência foi às 10h40min, na rua Armando Ruschel, bairro Gressler. Um carro e uma moto colidiram e o condutor da moto, um homem, de 40 anos, sofreu ferimentos leves e foi removido para a UPA. Mais tarde, às 11h50min, uma moto colidiu na traseira de um carro no Acesso Dona Leopoldina, nas proximidades de um quebra-molas. O condutor da moto, de 32 anos, teve suspeita de fratura na perna esquerda e foi removido ao Hospital São Sebastião Mártir. Ambos os atendimentos foram realizados pela equipe do Samu.

 

Fonte: Rádio terra FM
Créditos: Daniel Heck

Compartilhar

Homem perde R$ 6 mil em golpe, no centro de Venâncio

Publicado em 01/03/2019 às 17h09

Um homem de 31 anos, morador do interior de Venâncio Aires, foi vítima de um golpe, por volta das 15h de quinta-feira, no centro da cidade. Ele disse que saiu do banco Bradesco com um envelope na mão - dentro dele havia R$ 6 mil -, quando recebeu um esbarrão de um desconhecido.

Com isso o envelope caiu e neste momento surgiu outra pessoa, que ajuntou o envelope, mencionando que a pessoa que deixou o envelope cair no chão era relaxado, 'mas que dividiriam o prêmio'. Porém, para isso a vítima deveria deixar o envelope com ele, como garantia.

Momentos depois a dupla sumiu - a exemplo do que acontece com os autores do conto do bilhete - e a vítima olhou o seu envelope e descobriu que dentro dele havia um monte de jornais.

 

Fonte: Jornal Folha do Mate
Créditos: Alvaro Pegoraro 

Compartilhar

Delegado Cano pede a prorrogação da prisão dos suspeitos da morte de Éder Silva

Publicado em 01/03/2019 às 11h09

Delegado: Delegado Felipe Staub Cano encaminhou ao Poder Judiciário, pedido para a prorrogação da prisão temporária dos dois suspeitos de envolvimento na morte de Éderson Luiz da Silva. O corretor de imóveis e diretor de futebol do Esporte Clube Guarani foi morto no final da tarde do dia 17 de janeiro, instantes após chegar em sua propriedade, na localidade de Vila Santo Antônio, interior de Mato Leitão. Aos 36 anos - completaria 37 no dia 21 de fevereiro -, foi surpreendido por dois indivíduos, agredido com uma coronhada na cabeça e morto com três tiros, nas costas.

Para o delegado Cano, não há dúvidas que os dois presos têm envolvimento na morte. "Eles sabem de toda a caminhada do crime", argumentou o titular da Delegacia de Polícia. Cano se baseia nas investigações feitas e nas provas colhidas até o momento.

Por isso, entende ser indispensável que os dois sigam presos, pois há diligências a serem realizadas. "São trabalhos que demandam tempo e com os dois nas ruas, algumas provas poderiam sumir", alega. A dupla está presa desde a manhã do dia 1º de fevereiro.

Cano tem convicção que a mulher presa contratou o homem para ir até a casa onde Éder Silva vivia com a família, para praticar um furto. Porém, ele voltou antes do previsto para casa, flagrou os assassinos dentro do imóvel e acabou sendo morto. A motivação que está por trás do furto é mantida em sigilo, já que a mulher conhecia a vítima.

 

MANUTENÇÃO

No pedido encaminhado à Justiça, o delegado reitera que a prisão da dupla é de extrema necessidade, para que os agentes sigam em busca de provas para esclarecer o crime. Cano explica que as provas colhidas até o momento só confirmam se tratar de um latrocínio - como ele conduziu o caso desde o dia do fato - e que os dois têm envolvimento.

O que falta, acrescenta o titular da DP, é identificar as pessoas que estiveram na casa e que mataram o corretor de imóveis. "Ainda não sabemos se o homem que está preso esteve no local do fato, no dia do crime", disse. Conforme o relato do filho da vítima, que esteve com o pai até momentos antes da sua morte, os autores são dois indivíduos que fugiram correndo, logo após os tiros.

Em depoimento, a mulher confessou que contratou o homem para que ele furtasse objetos da casa de Éder Silva. Tanto que havia um lençol no chão da cozinha, com TV, aparelho de som, joias e outros objetos, prontos para serem carregados. Já o homem negou qualquer envolvimento e preferiu se manter calado. "Sabemos que ele tem uma vida estreita com o mundo do crime", assegurou o delegado.

 

Fonte: Folha do Mate
Créditos e Foto: Alvaro Pegoraro 

Compartilhar

Moradora do interior de Venâncio denuncia que foi estuprada pelo companheiro

Publicado em 01/03/2019 às 07h39

Mulher de 30 anos comunicou na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) que foi estuprada pelo companheiro, cinco anos mais velho e com quem conviveu por cerca de 14 anos. Segundo a denunciante, que reside no interior de Venâncio Aires, ela disse que quer se separar do acusado e, por isso, fazia cerca de um mês que ambos não mantinham relações sexuais.

No entanto, o acusado não aceita e a proibiu de sair de casa. Na madrugada da quarta-feira, conforme declarou a vítima, ela estava dormindo no quarto do filho, quando o acusado entrou, a agarrou pelo braço e a levou para o quarto do casal.

Aparentando nervosismo, a obrigou a manter relações sexuais com ela, que não reagiu, pois tinha medo de ser agredida. Depois a mulher disse que se trancou no banheiro e posteriormente foi até a casa da mãe, não voltando mais para casa

 

Fonte: Folha do Mate
Créditos: Alvaro Pegoraro 

Compartilhar

Mulher tem mal súbito e capota carro em Venâncio Aires

Publicado em 01/03/2019 às 07h38

Uma motorista capotou um veículo Fiesta, cor prata, placas de Venâncio Aires, na Rua Willibaldo Lenz, no bairro Gressler, por volta das 11h desta quinta-feira, dia 28, após ter um mal súbito.

A mulher acabou atingindo outro veículo que estava estacionado. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e Corpo de Bombeiros atenderam a ocorrência. Ela foi encaminhada ao Hospital São Sebastião Mártir com dores no corpo.

 

Fonte: Portal RVA
Foto: Moacir Eisermann

Compartilhar

Bombeiros controlam fogo em carreta na RSC-453

Publicado em 28/02/2019 às 10h44

O Corpo de Bombeiros de Venâncio Aires atendeu na manhã desta quinta-feira, dia 28, um caso de incêndio em veículo. A carreta com placas de Flores da Cunha, carregada com móveis, pegou fogo no quilômetro 10 da RSC-453, em Mato Leitão. O trânsito chegou a ficar intercalado no local. O fogo teria começado na parte do motor do veículo. Ninguém se feriu.

 

Fonte: Portal RVA
Foto: Moacir Eisermann

Compartilhar

Ciclista fica ferido em acidente no bairro Gressler

Publicado em 28/02/2019 às 10h42

Um acidente de trânsito foi registrado na manhã desta quinta-feira, 28, no bairro Gressler, em Venâncio Aires. Houve uma colisão entre um Fiat Punto e uma bicicleta. Ficou ferido o ciclista que foi atendido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Com ferimentos nas pernas, ele foi encaminhado ao Hospital São Sebastião Mártir.

 

Fonte: Portal RVA
Foto: RVA

Compartilhar

left show fwB tsN|left tsN fwB|left show tsN fwR|c05||skype_c2c_logo_img|news login uppercase c05 b01 bsd|fsN uppercase c05 fwB sbss|fwR c05 uppercase b01 bsd|login news uppercase b01 bsd fsN tsN fwB c15|tsN fwR uppercase c05|fwR c05 uppercase|content-inner c05||