Acidente é a principal hipótese para morte de homem no Bairro Battisti

Publicado em 13/06/2018 às 17h04

Após perícia, o delegado Vinícius Lourenço de Assunção acredita que a morte foi um acidente. Maicon da Rosa de Mattos foi encontrado morto nesta manhã, na rua 3. O homem, de 21 anos, estava preso a uma janela basculante, com o corpo para dentro da casa e a cabeça para fora. A residência não era dele. 

De acordo com o delegado, apesar deste cenário "bastante incomum", as constatações preliminares da perícia e os levantamentos já feitos pela Polícia Civil dão fortes indicativos de que o ocorrido foi um acidente. Não há indícios de crime no local da morte. Mattos não tinha sinais de violência no corpo. O único ferimento percebido é no pescoço, provavelmente causado pela janela. A principal hipótese, por enquanto, é que ele tenha morrido asfixiado, durante a última madrugada. 

O delegado relata que o homem era usuário de drogas – um cachimbo de crack foi encontrado próximo do corpo – e costumava se abrigar na casa onde morreu. Segundo levantado pela polícia, Mattos entrava na casa abandonada justamente através da janela na qual acabou preso. 

Portanto, o acidente é a principal hipótese de explicação para a morte, até agora. Vinícius de Assunção aguarda o laudo do Instituto Geral de Perícias e o resultado da necropsia – para a qual o corpo está sendo encaminhado agora à tarde e que vai confirmar a causa da morte.

Segundo a Funerária São Sebastião, Maicon da Rosa de Mattos vai ser velado a partir da noite desta quarta, na Comunidade Católica Menino Jesus, do Bairro Battisti. O sepultamento está marcado para quinta, às 9h, no Cemitério da Vila Rica.

 

Fonte: Rádio Terra Fm
Créditos: Felipe Kroth

voltar para Notícias - Polícia

left show fwB tsN|left tsN fwB|left show tsN fwR|c05||skype_c2c_logo_img|news login uppercase c05 b01 bsd|fsN uppercase c05 fwB sbss|fwR c05 uppercase b01 bsd|login news uppercase b01 bsd fsN tsN fwB c15|tsN fwR uppercase c05|fwR c05 uppercase|content-inner c05||