Suspeita de matar a ex-sogra e esconder o corpo em uma fossa vai a júri este mês

Publicado em 13/07/2018 às 13h50

Corpo estava dentro de uma fossa, ao lado da casa da suspeitaUm caso registrado no bairro Coronel Brito e que repercutiu na imprensa nacional terá seu desfecho ainda este mês. No próximo dia 26, os jurados analisarão as circunstâncias que envolvem a morte e a ocultação do cadáver de Iara Rosângela da Silva de Ávila, na época com 50 anos. Ela foi vista com vida pela última vez pelo filho Diogo, na noite do dia 30 de julho de 2014, e seu corpo só foi localizado na tarde do dia 2 de maio de 2015. A suspeita do crime é sua ex-nora, Josiane da Silva Rodrigues, 28 anos, que confessou a autoria e deu detalhes.

Josiane está em liberdade e foi denunciada por homicídio e ocultação de cadáver. Em depoimento ao inspetor Cassiano Dal Ongaro - e na presença do delegado Vinícius Lourenço de Assunção -, contou que se dava bem com a ex-sogra, mãe de Diogo, e que não tinha a intenção de matá-la.

 

JÚRI

A sessão começa às 9h da quinta-feira, 26, no Fórum de Venâncio Aires. Josiane será defendida pelos profissionais que atuam no escritório do advogado Paulo Mathias Ferreira. Na acusação atuará o promotor Pedro Rui da Fontoura Porto. Os trabalhos serão presididos pelo juiz João Francisco Goulart Borges.

 

Fonte: Jornal Folha do Mate
Créditos e foto: Alvaro Pegoraro

voltar para Notícias - Polícia

left show fwB tsN|left tsN fwB|left show tsN fwR|c05||skype_c2c_logo_img|news login uppercase c05 b01 bsd|fsN uppercase c05 fwB sbss|fwR c05 uppercase b01 bsd|login news uppercase b01 bsd fsN tsN fwB c15|tsN fwR uppercase c05|fwR c05 uppercase|content-inner c05||