Notícias - Prefeitura

Município busca recursos visando ao Carnaval 2014

Publicado em 23/10/2013 às 07h34

 

Com o objetivo de definir questões ligadas ao incremento de repasse de recursos para o Carnaval de Venâncio Aires do próximo ano, o vice-prefeito e secretário de Cultura, Esportes e Turismo, Giovane Wickert, a coordenadora da pasta municipal de Cultura, Luce Carmen Mayer, além de lideranças de grupos carnavalescos participaram no último dia 11 de outubro de audiência pública sobre a cadeia produtiva do Carnaval.

O encontro foi realizado no Teatro Dante Barone da Assembleia Legislativa, localizada na Praça Marechal Deodoro, 101, Centro de Porto Alegre. Realizada em parceria com a Câmara Federal, a proposta de audiência pública foi aprovada na Comissão de Educação, Cultura, Desporto, Ciência e Tecnologia da Assembleia Legislativa.

Conforme Wickert, a iniciativa atende a um anseio da comunidade carnavalesca de todo o Estado e Venâncio Aires entra neste contexto, pois tem uma tradição de muitos anos em realizar desfiles. “O Carnaval como um processo de agregação e geração de emprego e renda é um atrativo turístico de enorme dimensão e significado para os municípios”, explica.

Segundo Luce Carmen, o Governo Federal vai abrir um edital para o Carnaval 2014 no valor de R$ 3 milhões, com contrapartida do Estado no valor de R$ 340 mil. Uma das reivindicações do encontro na capital gaúcha é para que não só o Carnaval de Porto Alegre seja beneficiado e sim os municípios do interior. “Pedimos aos envolvidos para que esta emenda valorizasse justamente os municípios que tiveram representantes nesta audiência pública”, conclui Luce Carmen.

 

 

Fonte: Assessoria de Imprensa de Venâncio Aires
Crédito: Rui Borgmann
Foto: Divulgação/Assessoria de Imprensa PMVA

Compartilhar

Erva-mate em debate na Câmara de Vereadores

Publicado em 23/10/2013 às 07h32

 

Uma audiência pública, na tarde desta segunda-feira, em Venâncio Aires, debateu a questão da erva-mate na Câmara de Vereadores. A proposta é do deputado estadual Gilmar Sossela. Entre os assuntos está a elevação de preço do produto, a falta de políticas públicas para a cadeia produtiva da erva-mate e a proposta de isenção do PIS/Cofins para o setor.

Durante a última semana, a erva-mate foi assunto de audiência pública na Câmara dos Deputados, em Brasília, tratando-se de um setor de grande relevância para os estados do Sul do país, que precisa de mais garantias de produção para que o preço final ao consumidor não seja tão elevado. Atualmente o quilo de erva-mate custa por volta de R$ 13, bem superior aos R$ 5 que era comercializado há menos de um ano.

O prefeito Airton Artus explica que o assunto pode ser tratado como uma ‘tragédia anunciada’, mas que ainda pode ter solução. “As pessoas que têm a caneta na mão não tomam chimarrão. Se fosse água de coco ou café este assunto já estaria resolvido. Temos que tratar do problema na raiz e não ir remendando como tem acontecido há vários anos”, resumiu Artus.

O chefe do executivo de Venâncio Aires acrescenta que o setor do tabaco anteviu a crise, o que não ocorreu com a erva-mate. O produto chegou num estágio de que é necessária uma intervenção estatal na atividade econômica, como é feita nos produtos como a geladeira, os materiais de construção e o carro, por exemplo, com a redução do IPI. “Estamos a postos para trabalhar em prol do setor ervateiro junto ao Governo Estadual e Federal”, concluiu Airton.

Para o representante do comitê executivo do Fundomate, Valdir Zonin, as redes de supermercados estão exagerando em suas margens, agregando de 40% a 70% no seu lucro. O vereador da capital do chimarrão, José Cândido Faleiro Neto, disse que o quilo da erva-mate ainda é barato. A defesa precisa ser feita a favor do agricultor, que deve continuar a produzir.

Durante a audiência, o dr. Oly Schwingel explicou as vantagens de se tomar chimarrão e a sensação de bem-estar que a Ilex paraguaienses (nome científico) possui. “Mundialmente sete bilhões de pessoas tomam chá e a demanda é muito maior do que a procura”.  Entre as propostas apresentadas na audiência, além da isenção do PIS e Cofins, será incrementar o produto na cesta básica e auxiliar na criação da Câmara Setorial e do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Erva-Mate.

 

 

Fonte: Assessoria de Imprensa de Venâncio Aires
Crédito: Rui Borgmann
Foto: Rui Borgmann

Compartilhar

Município realiza formatura de 63 alunos alfabetizados

Publicado em 23/10/2013 às 07h31

 

A tarde do último sábado, 19, foi especial para 63 alunos que, nos últimos oito meses, frequentaram as aulas do programa Brasil Alfabetizado em Venâncio Aires. Jovens, adultos e idosos receberam o seu primeiro diploma escolar após apreenderem a ler e escrever. A cerimônia, no auditório da Câmara de Vereadores, foi marcada pela emoção e a promessa de vida nova para os alunos formandos.   

Iniciado em 2010 com o objetivo de ensinar a ler e escrever pessoas que, durante a história de suas vidas, não tiveram a oportunidade de frequentar a escola, o programa Brasil Alfabetizado, coordenado pela Secretaria Municipal de Educação, chega a sua terceira edição. Nesse período, mais de 200 pessoas deixaram a escuridão do analfabetismo para conquistar a liberdade daqueles que conhecem o mundo das letras e dos números.

Em 2013, 144 alunos iniciaram o programa em 15 turmas, 10 na zona rural e 5 na zona urbana. Apesar disso, apenas 63 pessoas chegaram ao final do programa e receberam seus diplomas. Durante a cerimônia, que contou com a participação de autoridades municipais, as alfabetizadoras e familiares dos formandos, a secretária municipal de Educação, Rosange Lehmen de Moraes, ressaltou que a liberdade das pessoas, a construção da cidadania, pode ser considerada a principal obra do governo municipal. Ela elogiou o trabalho e a dedicação das alfabetizadoras e se disse emocionada com o momento, pois reconhecia o significado fundamental de aprender a ler e escrever quando muitas pessoas já achavam que aquilo não seria possível.

O presidente do Legislativo, Telmo Kist, destacou ainda a vitória pessoal de cada aluno que se forma em turma de alfabetização. Para ele, que também voltou a estudar esse ano, “deixar a casa, os filhos, o trabalho e acreditar na importância da educação para o nosso crescimento pessoal já é uma vitória”, destacou.

Conforme Censo/IBGE 2010, a Capital do Chimarrão possui 4,6% da sua população analfabeta, um universo de aproximadamente 2.477 pessoas. O trabalho da Secretaria de Educação nesses anos tem sido de identificar essas pessoas e oferecer a elas a oportunidade de mudar a sua realidade pessoal através dos programas de alfabetização. No Brasil Alfabetizado, especificamente, são oito meses onde o aluno recebe todo o material didático, vale-transporte e vale-alimentação para seguir estudando.

 

Crédito: Daiana Nervo
Foto: Daiana Nervo

Compartilhar

Audiência Pública apresenta Orçamento Municipal para 2014

Publicado em 23/10/2013 às 07h30

 

A Administração Municipal de Venâncio Aires realiza quinta-feira, 24, às 16h, na sala de reuniões da Prefeitura, audiência pública para apresentação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e Orçamento Municipal para 2014. O objetivo é apresentar as projeções de despesas e receitas da Administração Municipal para o próximo ano. Para o debate estão convidados secretários municipais, vereadores, lideranças comunitárias e imprensa. Após a audiência pública que apresentará os números do orçamento, o projeto de Lei segue para apreciação da Câmara Municipal de Vereadores.  

 

Crédito: Daiana Nervo

Compartilhar

Município esclarece dúvidas do Quitar Parcelamentos amanha

Publicado em 23/10/2013 às 07h29

 

Em vigor desde a última segunda-feira, 21, o programa destinado à liquidação em quota única de dívidas municipais parceladas, também conhecido como Quitar Parcelamentos, ainda gera dúvidas aos contribuintes venâncio-airenses. Para tentar dirimir essas dúvidas e lançar oficialmente à população local os benefícios fiscais oferecidos pelo programa, a Administração Municipal promove na próxima quinta-feira, 24, um ato de lançamento do programa. Na oportunidade, a equipe responsável pela elaboração e condução do Quitar Parcelamentos estará disponível à imprensa e interessados para explicações. O ato ocorre na sala de reuniões da Prefeitura, a partir das 10h. O programa Quitar Parcelamentos tem prazo final de adesão no dia 30 de novembro.

 

 

Crédito: Daiana Nervo

Compartilhar

Prefeitura e Postos de Saúde atendem até meio-dia

Publicado em 23/10/2013 às 07h28

 

O Dia de Servidor Público será novamente lembrado pela Administração Municipal de Venâncio Aires esse ano. Como a data é feriado por lei nas repartições públicas na próxima segunda-feira, 28, a capacitação e atividades de integração dos servidores ocorre nesta quarta-feira, 23, no turno da tarde. Para isso, não haverá atendimento nas repartições públicas e Postos de Saúde a partir do meio-dia. O atendimento acontece das 7h30 às 12h. A partir das 13h, os servidores terão atividades no salão principal da Sociedade de Leituras.

Conforme a agente administrativo do RH, Débora Trindade, a tarde desta quarta-feira, 23, é considerada expediente interno para aproximadamente 600 funcionários da Prefeitura. Apenas professores da rede municipal, que já tiveram suas atividades no dia do professor, não participarão da capacitação de amanhã. Para a tarde estão agendadas homenagens aos servidores que completam mais de 20 anos de serviços prestados ao Município; presença da Escola do Chimarrão; apresentação da Orquestra Municipal; show humorístico com José Calvi, além de atividades de integração.

 

 

Crédito: Daiana Nervo

Compartilhar

Rede de ensino do município abre rematrículas em novembro

Publicado em 23/10/2013 às 07h27

 

A Secretaria Municipal de Educação divulga as datas de rematrículas e matrículas na rede municipal de ensino. As rematrículas acontecem de 18 a 29 de novembro de 2013 para os alunos que irão permanecer na escola que atualmente estão matriculadas. Já as matrículas ocorrem de 2 de dezembro a 13 de dezembro.

Segundo a coordenadora educacional, Alice Theis, os pais devem fazer a rematrícula na própria escola, pois não há rematrícula automática. A coordenadora reforça que caso algum familiar não confirmar a rematrícula a vaga poderá ser ocupada por outro aluno. Para a matrícula no 1º ano do Ensino Fundamental, a criança deve ter seis anos completos no dia 31 de março de 2014, caso contrário o aluno permanece no pré.

Para a matrícula de alunos novos, a Secretaria de Educação observa que os pais devem procurar a escola mais próxima de sua casa, ou seja, obedecer ao zoneamento. “No ato da rematrícula e matrícula a família deve informar se o aluno faz uso de medicação contínua, se tem alguma alergia ou intolerância”, acrescenta Alice.

 

 

Fonte: Assessoria de Imprensa de Venâncio Aires
Crédito: Rui Borgmann

Compartilhar

Alunos de Linha Canto do Cedro recebem projeto teatral

Publicado em 23/10/2013 às 07h25

 

Na última semana, a Escola Municipal de Ensino Fundamental Venâncio Aires, de Linha Canto do Cedro, recebeu o projeto Leitura em Cena, a arte da leitura no interior de Venâncio Aires. Doze alunos e a professora da escola multisseriada puderam assistir à apresentação que narra a importância do livro e da leitura, através de teatro, músicas, contação de história e poesia.

O projeto é desenvolvido pela Secretaria Municipal de Educação, em parceria com o autor e ator da peça Sérgio Rosa. A produção tem figurino e cenários produzidos e idealizados por Josiane Bergmann e a peça tem sido apresentada em escolas públicas e particulares, como também em feiras de livros de diferentes cidades do Estado. Conforme Rosa, mais de 20 municípios já receberam o personagem Papelito.

Nestes últimos dias, além da Capital Nacional do Chimarrão, a peça também foi apresentada em Vera Cruz, Caxias do Sul e Bento Gonçalves. Mais de 10 mil estudantes e professores já assistiram à apresentação. Mais informações sobre a peça no endereço eletrônico papelitopapelito.blogspot.com.

 

 

Fonte: Assessoria de Imprensa de Venâncio Aires
Crédito: Rui Borgmann

Compartilhar

Biblioteca Indústria do Conhecimento é entregue à comunidade

Publicado em 19/10/2013 às 11h35

 

Um ato simbólico no final da tarde desta quinta-feira, 17, entregou oficialmente à comunidade do bairro Cidade Nova a biblioteca SESI Indústria do Conhecimento. Com a presença de crianças da comunidade, vereadores e secretários municipais, o prefeito Airton Artus ressaltou a qualidade da obra entregue e desafiou a Secretaria de Cultura a desenvolver projeto de biblioteca itinerante, que possa levar literatura e cultura para os bairros e também o interior de Venâncio Aires.

O complexo de 100 metros quadrados já está disponível à comunidade que quiser usufruir gratuitamente de mais de 1.500 títulos de livros, CDs, DVDs, gibis e internet. Localizada na rua Cláudio Reckziegel, ao lado da Escola Municipal de Educação Infantil Passinho Seguro, a obra foi inaugurada pelo SESI no último dia 3 de outubro, passou por período de catalogação dos acervo e agora foi aberta à população. A biblioteca, com arquitetura diferenciada em formato de livro, fica aberta de segunda à sexta-feira, das 8h às 18, sem fechar ao meio-dia, e nos sábados, das 8h às 12h.  Para a comunidade que desejar retirar livros, basta levar um comprovante de residência e um documento com foto.

 

 

Crédito: Daiana Nervo
Foto: Rui Borgmann

Compartilhar

Uma semana de inscrições para cursos de capacitação

Publicado em 19/10/2013 às 11h33

 

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico, através do Plano Municipal de Capacitação Profissional e Empresarial, abre novamente uma semana de inscrições para cinco cursos que iniciam no mês de novembro. Conforme o agente de desenvolvimento do município, Cristiano Kauffmann, as inscrições iniciam na próxima segunda-feira, 21, e seguem até sexta-feira, 25, na Sala do Empreendedor (junto ao prédio do supermercado IMEC), das 13h às 16h30.

Os cursos com inscrições abertas são os de designer gráfico, auto cad 2D, cuidador de idoso, atendente de farmácia e recepcionista para a área da saúde. Com cargas-horárias diferenciadas, os cursos acontecem à noite e exigem escolaridade mínima de Ensino Fundamental completo. Os cursos são gratuitos à população e pagos pela Administração Municipal de Venâncio Aires. Para as capacitações de designer gráfico e auto cad 2D, a executora será a Motiva Cursos e as aulas acontecem na sede da empresa. Já o SENAC ministrará os demais cursos nas dependências do Colégio Gaspar.

Mais informações podem ser obtidas na Secretaria do Desenvolvimento Econômico ou através do telefone 3983-1033. 

 

Crédito: Daiana Nervo

Compartilhar

left show fwB tsN|left tsN fwB|left show tsN fwR|c05|||news login uppercase c05 b01 bsd|fsN uppercase c05 fwB sbss|fwR c05 uppercase b01 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd c05|tsN fwR uppercase c05|fwR c05 uppercase|content-inner c05||