ETE deve iniciar operação no primeiro semestre de 2018

Publicado em 02/01/2018 às 09h58

foto

A Estação de Tratamento de Esgoto de Venâncio Aires (ETE), inaugurada em agosto deste ano, deve iniciar suas operações no próximo semestre. Depois da inauguração a Companhia Riograndense de Saneamento (CORSAN), realizou obras de redes de esgoto interligadas com a ETE, o próximo passo deve ser a ligação das residências ao sistema de esgotamento sanitário.

Em reunião na tarde desta quinta-feira, 28, a Secretária de Planejamento Jalila Heinemann, ouviu dos diretores da Corsan as próximas etapas do projeto de tratamento de esgoto na Capital do Chimarrão. Inicialmente 542 imóveis dos Bairros Centro, Morsch e Brígida serão beneficiadas, e é de responsabilidade de cada proprietário providenciar a ligação do seu ramal domiciliar a rede de esgoto.  Porém os diretores da Corsan destacam que, o proprietário do imóvel que receber a visita dos funcionários da empresa ou notificação via correspondência, deve entrar em contato com a estatal para demonstrar interesse em conectar-se a rede coletora, e que os técnicos irão orientar a forma correta desta ligação. “Esta consulta que será feita aos nossos técnicos não tem custo algum para o proprietário, daremos a orientação correta para evitar que o proprietário tenha que corrigir depois sua ligação, caso tenha feita de forma errada”, destacou Ilmor Door, Gerente local da Corsan.

Visitação de equipes da Corsan
A partir do dia 8 de janeiro, todos os domicílios localizados na área de abrangência desta primeira etapa de ligação das redes domiciliares à rede de coleta e tratamento de esgoto, receberão a visita de equipes da Corsan ou notificação via correspondência explicando como proceder para conectar-se a rede. Os visitadores estarão devidamente identificados com equipamentos da CORSAN (Colete, crachá com nome, formulários). Após esta visita, os proprietários dos imóveis terão o prazo de 30 dias para solicitar a ligação do seu imóvel ao sistema de esgotamento sanitário.  Ainda no mês de janeiro acontecerá uma reunião comunitária para esclarecer dúvidas aos usuários quanto ao procedimento de ligação ao sistema.

Benefícios ambientais com o tratamento do esgoto
Os benefícios diretos do tratamento de esgoto são na esfera ambiental. O tratamento do esgoto elimina a poluição de arroios, rios e demais cursos dágua, permitindo que essas águas permaneçam como fontes de recursos hídricos para consumo humano. Dessa forma, ficam garantidas as boas condições de saúde pública, eliminando a contaminação de pessoas e animais por meio da água, o maior veículo de transmissão de doenças. O tratamento do esgoto evita infiltrações de águas poluídas que acabam contaminando o solo e atingindo reservas naturais subterrâneas de águas, que podem ter sua pureza comprometida.

 

Fonte: PMVA

voltar para Notícias - Prefeitura

left show fwB tsN|left tsN fwB|left show tsN fwR|c05||skype_c2c_logo_img|news login uppercase c05 b01 bsd|fsN uppercase c05 fwB sbss|fwR c05 uppercase b01 bsd|login news uppercase b01 bsd fsN tsN fwB c15|tsN fwR uppercase c05|fwR c05 uppercase|content-inner c05||